quinta-feira, 24 de junho de 2010

Luanda

.



a lua anda
conforme a música

a noite fecha
meus olhos
mas é você
quem dorme e dança

nua anda
na distância
pelo deserto sereno

eu penso numa boca
que ainda não me beija
a fotografia - a mesma -
revela o sonho
de um sorriso bom.




(Felipe Rey)

4 comentários:

Pedro Melo disse...

bela escrita!
grande abraço

tongchen@seattle disse...

Greetings from USA! I love your blog.
Please visit me at:
http://blog.sina.com.cn/usstamps
Thanks!
-Tong

T. Barros disse...

Luanda. Bela.
Abraço.

Cacusso disse...

Excelente.
Belíssimo poema.
Como muitos outros neste site.
Incluirei este no meu blog, caso não veja inconveniente.

Abraço

 

Labels

Labels