quinta-feira, 4 de abril de 2013

cerveja, cachaça e cigarro


.

cerveja, cachaça e cigarro
maravilhas pr'uma voz rouca
se tudo assim for vontade pouca

tão desprezível quanto catarro

frágil carne, escárnio e escarro
pra produzir uma paixão mouca
na fechadura tosca de uma boca
que não consegue tirar um sarro

mas a vida tem sempre um escape
basta encontrar alguma coisa que caiba
num desejo viril e solene

onde nenhum véu sequer tape
basta saber, basta saber e saiba
que o amor verdadeiro é todo perene 




Felipe rey

2 comentários:

Viviany Assunção disse...

basta saber que a vida e toda perene rsrsrs.. gosto muito de seus escritos baby, beijao.

suely damasceno disse...

... mas a vida tem sempre um escape... maravilha a sensibilidade de poder perceber os escapes q a vida nos proporciona... ó poeta que não sabe ser triste!!

 

Labels

Labels