terça-feira, 2 de junho de 2009

sonetito pra gil

.

a vaidade é uma merda
você é você
como eu sou eu
e nisso tudo se enceta

na essência do ser
cônscio de saber
que a imperfeição é meta.








Feliperey

2 comentários:

Dielezreh disse...

mas se eu sou você, como tu mesmo explicitou no texto. Eu e você somos apenas a minha própria pessoa?
creeedo! isso tá bem gay "=x

Felipe Rey disse...

voce é um sujeito indefinido ?

 

Labels

Labels